Delegado rebate críticas à situação da Polícia Civil

Imagem ilustrativa./ Foto: Reprodução/ Uipi

O delegado assistente de Polícia do DEINTER4 de Bauru, Luiz Roberto Bertozzo emitiu nota à redação da 94, sobre a denúncia feita pelo Sindicato dos Polícias Civis da Região de Bauru, relacionada à falta de funcionários em praticamente todas as áreas da Polícia Civil no Estado.

Em nota, o delegado informou que a Polícia Civil enfrenta carência momentânea de Policiais e que a resolução desse problema só será feita com a nomeação e formação dos aprovados em concursos em andamento.

O delegado contestou a denuncia feita pelo dirigente sindical, de que apenas 2% dos crimes no Estado são esclarecidos. Bertozzo afirmou que essa pesquisa levou em conta a integralidade das ocorrências registradas, sendo grande parte delas de natureza não criminal.
O jornalismo da 94 também questionou a Secretaria de Segurança Pública do Estado sobre a falta de delegados em cinco das 12 cidades atendidas pelo sindicato bauruense, mas até o momento, não obteve resposta.

Em nossa região, as cidades de Paulistânia, Cabrália Paulista, Ubirajara, Arealva e Presidente Alves não possuem delegados.

Sem comentários

Deixar uma resposta