Alckmin se desfilia do PSDB após mais de 33 anos no partido

Escrito por em 15/12/2021

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) se desfiliou do PSDB nesta quarta-feira (15) após mais de 33 anos no partido. Ele entregou uma carta de desfiliação ao diretório municipal do partido.

Em sua conta no Twitter, Alckmin anunciou a despedida e o “novo tempo”.

“É um novo tempo! É tempo de mudança! Nesses mais de 33 anos e meio de trajetória no PSDB procurei dar o melhor de mim. Um soldado sempre pronto para combater o bom combate com entusiasmo e lealdade. Agora, chegou a hora da despedida. Hora de traçar um novo caminho”, afirmou.

Nos últimos dias, tem se aventado uma possível chapa para a Presidência da República de Alckmin com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Em conversa reservada com dirigentes da Força Sindical, Lula deu sinal verde para uma mobilização de sindicalistas em defesa de uma chapa com ele como candidato a presidente e, como vice, o ex-governador Geraldo Alckmin, de saída do PSDB.

Perguntado por sindicalistas do que achava dessa conversa com Alckmin, Lula foi direto: “Continuem incentivando”.

No 9° Congresso da Força Sindical, o petista deu uma sinalização de que gostaria de fechar a chapa com Alckmin para a disputa de 2022.

Fonte: G1

Foto: DIDA SAMPAIO/ESTADÃO CONTEÚDO

Marcado como

Opnião dos Leitores
  1. André Cunha   Em   15/12/2021 em 16:56

    o Alckmin acabou, seus eleitores estão boquiabertos ao vê-lo se juntando com a escoria da politica nacional, apenas de aceitar uma conversa com o ex presidiário Lula, perdeu milhões de votos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]