Anitta lança dez clipes lindos e incríveis para o álbum visual ‘Kisses’

Por on 8 de abril de 2019

Fonte: Hugo Gloss 

Esse momento é nosso, nuestro, our, Brasil! Após lançar “Kisses” em todas as plataformas de streaming, Anitta começou a divulgar os clipes de cada música do hinário: “Atención”, “Banana”, “Onda Diferente”, “Sin Miedo”, “Poquito”, “Tu Y Yo”, “Get To Know Me”, “Rosa”, “Juego” e “Você Mentiu”. “Kisses” é um álbum visual, por isso todas as canções receberam um vídeo caprichado, com altas produções!

“Os fãs sempre me pediram um novo álbum e esse é um sonho que venho alimentando há um bom tempo. Mas pra ficar do jeito que eu queria, precisei me dedicar ainda mais. É um projeto completo, visual, como eu sempre sonhei. Demorou, mas está aí! Trabalhei muito para que cada detalhe ficasse perfeito, contou a estrela. Além de cantar em três idiomas ao longo do trabalho — português, inglês e espanhol — Anitta se juntou a diversos artistas incríveis, que vêm de diferentes partes do mundo: Becky G, Ludmilla, Snoop Dogg, Papatinho, DJ Luian, Mambo Kingz, Swae Lee, Chris Marshall, Alesso, Prince Royce e Caetano Veloso.

Cada faixa representa uma faceta da cantora: tem a romântica, a sensual, a chefona, a madura, entre outras. O conceito foi elaborado pelo diretor criativo Giovanni Bianco, parceiro de longa data da brasileira. “Me inspirei nas várias mulheres que existem dentro dela. São mulheres completamente diferentes, mas todas são a Anitta”, explicou o fera responsável pelos visuais de hinos, como “Bang” e “Paradinha”.

“Atención”

“Atención, formación, la capitana llegó”! Vocês pensaram que Anitta não ia rebolar a bunda em espanhol? Kkk O primeiro single de “Kisses” lembra um dos grandes hits da carioca no início da carreira, “Show das Poderosas”, pela mensagem de empoderamento feminino. “Essa é uma faixa muito importante e necessária. A gente precisa de cada vez mais músicas que nos unam”, contou Anitta. O clipe, gravado em São Paulo e dirigido por João Papa, mostra mulheres de diferentes idades, cores e biotipos e destaca a importância do autoexame de prevenção ao câncer de mama. “Fizemos questão de ter um casting bastante variado justamente porque essa seria a oportunidade de muitas mulheres se verem representadas em um clipe com uma temática tão importante, seja branca, negra, jovem, idosa, gorda, magra, cis ou trans”, completou a cantora.

“Banana”, com Becky G

Essa banana é debochadaaa! Bem-humorada e cheia de trocadilhos, a segunda faixa do álbum é uma parceria com a cantora norte-americana Becky G. “A música tem também uma batida de funk. O compositor me disse que se inspirou em ‘Vai Malandra’ (risos). Para o clipe, a gente optou por fazer um trocadilho com as frutas e colocamos até uma feira no estúdio”, revelou Anitta. No vídeo – na piscina onde as musas aparecem deitadas – foram usadas mais de 3800 de bananas de plástico… Já a banana gigante exibida na produção impressiona com seus quatro metros!

Gravado em Miami, o clipe teve direção de Lula Carvalho, que explicou a escolha de um cenário claro: “[Anitta] trouxe essas referências mais tropicais para o vídeo. Uma coisa que conversamos foi sobre como destacar o colorido de uma forma que ficasse legal. Por isso optamos por filmar em um estúdio todo branco, onde esses elementos pudessem ter uma identidade visual mais marcada”.

“Onda diferente”, com Ludmilla, Snoop Dogg e Papatinho

É funk que a gente queria, e foi funk que a gente ganhou! Uma das músicas mais contagiantes do álbum, “Onda diferente” tem colaboração de Ludmilla – que escreveu a canção, Papatinho e do rapper icônico Snoop Dogg. “O Snoop Dogg assistiu à minha série na Netflix e me mandou uma mensagem dizendo que estava disponível para gravar comigo quando eu quisesse. Era a oportunidade! Pedi para o Papatinho escrever um trecho de hip hop e ele arrasou. E assim nasceu esse colaboração”, detalhou Anitta. Imagina a emoção que foi receber essa ligação! Gravado em Los Angeles, o clipe tem direção de Giovanni Bianco na parte criativa, e de Lula Carvalho no vídeo. Você já conseguiu parar de escutar a música? Porque a gente não…

“Sin Miedo”, com DJ Luian e Mambo Kingz

A faixa, feita em colaboração com os porto-riquenhos DJ Luian e Mambo Kingz, mostra uma Anitta que gosta de viver intensamente, sem pensar no dia de amanhã. “O clipe é uma noite louca onde eu faço de tudo um pouco: perco a linha, me acabo e me aventuro com minhas amigas e amigos. A edição está bem diferente e passa essa intenção de loucura, de viver sem medo”, explicou a musa. Gravado com câmeras de formatos diferentes — de cinema, portátil e de celular — o vídeo dá a impressão de que está acontecendo em tempo real e sendo repercutido nas redes sociais… algo que a cantora conhece bem, né?

“Poquito”, com Swae Lee

Essa é daquele tipo de música que o refrão não sai da cabeça! Uma das favoritas de Anitta, a faixa cinco de “Kisses” é romântica, com uma pegada de swing. “O Swae Lee tem vários hits estourados no Brasil, sou fã há tempos e lutei muito pra ter ele comigo nesse álbum. Gravamos o clipe separados porque a nossa agenda não batia. O resultado ficou bem diferente”, contou a artista. Anitta filmou a sua parte em São Paulo, enquanto o rapper, em Los Angeles. No final, este arranjo deu certo, pois passa a sensação de distância e de saudade.

“Tu Y Yo”, com Chris Marshall

Uma baladinha doce e leve, o sexto single de “Kisses” foi gravado em Búzios, no Rio de Janeiro, e tem participação do jamaicano Chris Marshall. “Ele é o compositor. Eu tentei várias pessoas para esse feat, mas quando ouvi a voz dele cantando, quis que ele gravasse o vocal oficial, mesmo não sendo cantor. Ele é jamaicano e tem um sotaque lindo. O resultado ficou muito bonito”, se derreteu Anitta. O clipe, segundo o diretor Bruno Ilogti, é sensorial, e foi planejado através de referências de editoriais de moda. Para um efeito de cristal, refrações de vidro foram usadas na frente da lente da câmera. Chiiique!

“Get To Know Me”, com Alesso

Após “Is That For Me”, Anitta se juntou novamente ao DJ e produtor sueco Alesso para lançar a faixa “Get To Know Me”. Em inglês, a música e o vídeo refletem uma faceta adolescente da cantora. “O clipe se passa em um mundo feito de manequins, de pessoas plásticas, fakes. E eu não me sinto conectada naquele lugar. Quando eu finalmente encontro uma pessoa real, como eu, que é o Alesso, a gente entra em uma sintonia nossa”, explicou a poderosa. O instrumental da canção, aliás, foi usado no documentário da Netflix da cantora, por isso o público mais fiel já está familiarizado com o single.

E cata essa curiosidade: três fábricas de manequins em Los Angeles foram visitadas pela equipe para que escolhessem os modelos no clipe — no total, 14 manequins inteiros fizeram parte do “elenco”. Os bonecos até foram apelidados pela equipe, e ganharam nomes como Robert e Ted. Confira a atuação deles abaixo, kkk:

“Rosa”, com Prince Royce

Uma das nossas preferidas, “Rosa” é toda romântica e tem uma batida animada, perfeita para a gente encarnar a mocinha das novelas mexicanas! Se cuida, Maria do Bairro! A colaboração com Prince Royce é pra lá de especial, já que o cantor foi parceiro de Anitta no programa La Voz México. “Quando eu escutei essa música, pensei logo nesse feat. O Prince Royce é sensual, é um gato e faz sucesso há anos no mercado latino”, comentou a cantora.

Uma das inspirações do clipe é o filme “Beleza Americana”, e Anitta aparece cercada de rosas vermelhas nas imagens. Inclusive, nas gravações, foram usadas aproximadamente quatro mil rosas. Uau! De acordo com o diretor, Bruno Ilogti, “Rosa” tem uma pegada policial, passando a ideia de um amor proibido: “Como se o casal estivesse fugindo por algum motivo”. Outra inspiração do clipe foi a série de filmes “Missão Impossível”, que aparece nos looks, em peças de alfaiataria. Chuva de referências!

“Juego”

Amamos esse lado “bossy” de Anitta! A batida da música é inspirada em um ritmo de reggaeton antigo. “A letra fala muito sobre a minha personalidade e eu quis passar esse lado que também é meu: a Anitta chefe, que tem o pé no chão, mas que ao mesmo tempo não perde a sua sensualidade. Eu amo esse clipe e a sua estética”, a diva brasileira revelou. O clipe, dirigido por João Papa, é inspirado em filmes de gangsters e máfia. A cantora, claro, é a grande líder, a chefona. “Sempre fui fã de longas desse tipo e acho gritante a falta de mulheres protagonistas nesse gênero. Foi muito divertido poder entrar nesse universo e explorá-lo sob uma ótica tão pouco vista”, ressaltou João.

Um detalhe: o figurino de animal print usado em “Juego” não estava programado; Anitta juntou as peças no set e apresentou para o stylist e o diretor, que amaram! Não basta lançar dez músicas e dez clipes em três línguas, né, amores? Tem que se aventurar na moda também… empreendedora faz assim kkk

“Você mentiu”, com Caetano Veloso

Ao ouvir a música, a gente só consegue pensar nas Helenas de Manoel Carlos, andando pelo Leblon com o vestido branco balançando ao vento… que pedacinho de MPB maravilhoso! O álbum “Kisses” fecha com “Você Mentiu”, parceria com o ícone da música brasileira, Caetano Veloso. A letra conta a história de uma relação que não dá certo. “Essa faixa é uma preciosidade, uma joia rara. Eu queria fazer uma coisa simples para o clipe porque esse é também um lado meu, sem muita vaidade. Eu estou sem maquiagem e com roupas do meu dia a dia. Pedi para captarem todos os momentos desse encontro porque eu queria que mostrassem essa relação de carinho que eu tenho com o Caetano, que eu amo e sou eternamente agradecida”, Anitta explicou. Veja o resultado do encontro abaixo:


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background