CEI da Covid quer entender contratos que foram firmados sem a chancela do Jurídico da prefeitura

Escrito por em 02/06/2021

As oitivas da Comissão Especial de Inquérito que apura a administração da pandemia na cidade abordaram nesta terça-feira informações financeiras e jurídicas. Foram ouvidos o atual secretário de Negócios Jurídicos, Gustavo Bugalho, o secretário de Administração, Everson Demarchi, e o secretário de Economia e Finanças, Everton Basílio. Já o ex-secretário de Negócios Jurídicos na gestão de Gazzetta, Antônio Carlos Garms, não foi e enviou um comunicado justificando sua ausência.

De acordo com o vereador Manoel Losila, que preside a CEI, a ausência do ex-secretário e a falta de informações do atual secretário de Negócios Jurídicos deixaram dúvidas quanto a contratos firmados sem licitação durante a pandemia.

Todas as terças-feiras do mês de junho, a ‘CEI da COVID-19’ tem oitivas agendadas com secretários e ex-secretários municipais e também com os representantes do Sindicato de profissionais da saúde.

Marcado como

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]