Cerca de 1.300 ex- funcionários da Ajax seguem sem receber seus direitos

Por on 18 de outubro de 2019

Quatro anos depois da falência decretada pela Justiça, a situação da Acumuladores Ajax segue indefinida para ex-funcionários e também em relação aos patrimônios da empresa. No mês de setembro, a Cetesb aplicou quatro multas para a empresa, por descontinuidade dos trabalhos nas áreas contaminadas.

Mais informações com o repórter Emerson Luiz.

A Ajax teve a falência decretada em outubro de 2015 e 1.300 trabalhadores ainda não receberam seus direitos trabalhistas.


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background