Chuva melhora nível do Batalha, mas rodízio ainda será mantido em Bauru

Escrito por em 05/12/2020

O DAE anunciou na tarde desta sexta-feira (4) que, apesar da lagoa de captação do Rio Batalha ter atingido o nível considerado ideal, o atual sistema de rodízio que afeta 140 mil moradores, oferecendo água por 24 horas e cortando o abastecimento por 72 horas, está mantido por tempo indeterminado. O anúncio contraria uma postagem do prefeito Clodoaldo Gazzetta, feita em suas redes sociais horas antes da coletiva de imprensa no DAE, que indicava o fim do rodízio. Na sua página, Gazzetta disse que, diante da situação da lagoa e da perspectiva de novas chuvas, havia determinado ao DAE para por fim ao rodízio. Mesmo assim, durante a coletiva de imprensa, o presidente do DAE, Eliseu Areco Neto, disse que o rodízio continua por tempo indeterminado por uma questão técnica. O DAE explicou que esse aumento de nível de água registrado após a última chuva proporciona, primeiro, que as equipes façam a limpeza dos decantadores da Estação de Tratamento de Água (ETA). Então, o fim do rodízio não é imediato porque esta limpeza exige água da própria ETA. São seis decantadores e cada um necessita de um dia para limpeza.
Com o volume de chuva dos últimos dias em Bauru, o nível da lagoa de captação do Rio Batalha chegou nesta sexta-feira a 3,20 metros, a marca considerada ideal.

**Com informações G1

Crédito: DAE/Divulgação


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]