Conselho do Município discute projetos envolvendo novo hospital e empreendimento residencial

Escrito por em 21/01/2021

Realizada na noite desta quarta-feira, reunião extraordinária do Conselho do Município, para discussão de três processos.

O primeiro deles foi o de construção de um empreendimento residencial com 324 unidades habitacionais, na região do Parque Água Comprida. Nesse empreendimento, as contrapartidas somarão R$ 841.482,74, em benfeitorias.

Durante a audiência, o presidente do Conselho, Marcio Colin, questionou a sobreposição de contrapartidas feitas pela Emdurb, em vários empreendimentos na mesma região.

O segundo processo discutido foi a da construção de um novo hospital, na altura da quadra 38 da avenida Nações Unidas. Esse projeto, nos últimos dias, gerou muita polêmica em virtude dos valores solicitados em contrapartida, aprovadas em reunião anterior.

Desta vez, as contrapartidas solicitadas, alcançarão um valor de R$ 560 mil. A representante da empresa, ao usar a palavra, afirmou concordar apenas com a contrapartida solicitada pelo DAE e, disse que o empreendedor enviou e-mail com um recurso contra as duas outras solicitações.

Após mais de uma hora de discussão, os conselheiros decidiram adiar a discussão, para que o empreendedor e o GAE (Grupo de Análise de Empreendimento), busquem um entendimento.

O terceiro tema discutido foi voltado à montagem da comissão eleitoral para a eleição dos membros para o próximo mandato do Conselho do Município.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]