Da linha de frente, profissionais da saúde pedem melhores condições de trabalho

Escrito por em 17/07/2021

Depois que a prefeitura aumentou o valor dos pagamentos oferecidos aos médicos que trabalham em plantões aos finais de semana em Unidades de Saúde do Município, os demais profissionais da linha de frente pedem maior valorização. O pleito foi apresentado pelo vereador Markinho de Souza. Segundo ele, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e outros profissionais que atuam na linha de frente do combate à pandemia da Covid-19 também merecem aumento no adicional de insalubridade.

O reajuste dos plantões de 12 horas dos médicos ocorreu no final do mês de junho e saiu de 1.500 reais para 1.750 reais.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]