DAE adota medidas emergenciais para minimizar problemas no abastecimento

Escrito por em 19/04/2021

Os baixos índices de chuva expõe a fragilidade do abastecimento de água em Bauru. Moradores espalhados pelos 42 bairros que dependem das cheias do Rio Batalha, convivem ano após ano, com o rodízio de água. Sobre o assunto, a repórter Daiany Ferreira conversou com o presidente do DAE, Marcos Saraiva. A curto prazo, a autarquia inicia algumas interligações de poços pela cidade e também trabalha na setorização no Jardim Bela Vista, o que permite um melhor controle da distribuição de água. Quanto às discussões do Plano Diretor de Águas, ficará para o próximo semestre.

Lembrando que, na última semana, o DAE fez a entrega do novo reservatório de água no Alto Paraíso, região da Vila Falcão. Segundo o departamento, o reservatório vai permitir maior capacidade de armazenamento de água em um setor atendido pelo sistema ETA/Batalha. A capacidade do reservatório é de 3,5 milhões de litros de água, proporcionando melhorias nos bairros Vila Falcão, Alto Paraíso, Vila Pacífico e Vila Souto.


Opnião dos Leitores
  1. Luciano Sidnei Marques Tozzi   Em   19/04/2021 em 11:21

    Já começou a enrolação, outro rodízio que só funciona na cabeça deles, porque ontem que era o dia de ter água no meu bairro, fiquei sem água o dia todo

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]