Denúncia diz que galão de inseticida da nebulização estragou por exposição ao sol, Saúde nega

Por on 30 de abril de 2019

A redação da 94FM recebeu nesta segunda-feira (29) a denúncia de uma servidora municipal. Ela disse que um tambor com 200 litros do veneno para nebulização estragou, porque ficou exposto ao sol.

De acordo com a denunciante, a Sucen já havia orientado sobre a necessidade do inseticida não ficar ao alcance do sol e calor.

A constatação do veneno ter estragado foi feita na última sexta-feira, ainda de acordo com a denúncia.
A reportagem da 94 entrou em contato com a assessoria de imprensa da Prefeitura para saber da veracidade ou não dessa denúncia.

Em nota, a Secretaria de Saúde informou que: “O inseticida usado para nebulização é o Malathion. O que aconteceu foi que alguns lotes, enviados pelo Ministério da Saúde, tiveram problemas de sedimentação ao serem dissolvidos em água. Por medida de segurança, foram retirados de circulação pelo próprio Ministério. A suspensão temporária da nebulização não é apenas em Bauru, mas em todo o Brasil. Por isso, de acordo com a nota, não foi falta de planejamento por parte da Secretaria Municipal da Saúde. Foi feita a programação de nebulização e informada à Sucen e ao Ministério da Saúde. Ambos aprovaram e enviaram o produto.”

Assim que o Ministério da Saúde fizer a entrega do produto, a nebulização será retomada em Bauru.

Nebulização contra a dengue em Bauru./ Foto: Divulgação/ Prefeitura de Bauru


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background