Distribuição de tributos gerados pelo plantio de eucalipto motiva preocupação em vereador

Escrito por em 04/05/2022

A divisão dos tributos decorrentes do plantio de eucalipto, merece atenção por parte do poder público municipal. Essa é a opinião do vereador Coronel Meira, que citou a cidade de Lençóis Paulista, que deverá, a partir de 2024, ter seu orçamento inflado, por conta do recolhimento de impostos da empresa Bracell.
Segundo o vereador, outras cidades da região contribuem com suas áreas para o plantio do eucalipto. Assim, a distribuição dos recursos pelo governo estadual, deveria ser revista.

A Secretaria da Fazenda do Estado enviou nota à reportagem, informando que a divisão dos recursos aos 645 municípios do Estado, é realizada com base na aplicação do Índice de Participação dos Municípios (IPM), definido para cada cidade conforme legislação estadual.

Saiba mais:


Opnião dos Leitores
  1. Nelson   Em   05/05/2022 em 07:11

    O pior de tudo é o que as plantações de eucalipto vão causar nas rios e seus afluentes, cadê essa porcarias de ONGs que tanto se preocupam com o meio cambiante, não vão falar nada? Ah eu esqueci, o dono da bracel é um país comunista um dos que mais poluem no mundo, ai não tem problema.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]