Enquete do Informasom aponta Cohab como o maior esqueleto no armário de Bauru

Por on 5 de abril de 2019

O Informasom desta sexta-feira (05), questionou em sua enquete diária, qual o pior esqueleto no armário de Bauru.

Para os ouvintes internautas, foram colocadas quatro opções de voto e o resultado apontou a Cohab, com 38% dos votos, como o maior problema da cidade.

Logo atrás da Cohab, apareceu a Estação de Tratamento de Esgoto, que deveria ter sido entregue ainda no governo Rodrigo Agostinho, mas segue em uma situação complicada. Há inclusive, pedido de abertura de CEI, tramitando na Câmara Municipal. A ETE recebeu 33% dos votos dos internautas. Esses dois assuntos, constantemente estão na pauta da 94.

Recentemente, em entrevista ao programa Atualidades, o vereador Coronel Meira, afirmou que, a Cohab deveria ter apenas 25 funcionários, mas conta, com 91. O vereador, inclusive, é o autor do pedido de CEI da ETE, que teve até o momento, quatro assinaturas.

A Emdurb, foi considerada por 16% dos votantes, como o pior esqueleto da cidade. Em discurso na tribuna da Câmara Municipal, o atual presidente, vereador José Roberto Segalla, pediu abertamente, o fechamento da empresa, com a transferência dos funcionários à secretarias da prefeitura, que possuem falta de funcionários.

Com 13% dos votos, apareceu o aeroporto Moussa Tobias. Este, deixado de lado pelas companhias aéreas e pelo próprio DAESP, desde sua inauguração, vai, sabe-se quando, ser privatizado pelo Governo do Estado.

Os ouvintes ainda lembraram de outros esqueletos como a Estação Ferroviária. A segunda alça do viaduto inacabado e até o prédio do Maksoud.

Foto: Reprodução/ Central das Notícias


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background