Estado anuncia mutirão para zerar fila de 39 mil pessoas aguardando por cirurgias eletivas na região

Escrito por em 01/06/2022

A região de Bauru tem 39 mil pessoas aguardando por cirurgias eletivas, aquelas que não tem o critério emergencial. Em todo o estado de São Paulo, aproximadamente 540 mil pessoas estão com cirurgias atrasadas. O número cresceu durante os dois anos de pandemia, quando os procedimentos foram suspensos.

Durante visita a Bauru, na última segunda-feira, o governador Rodrigo Garcia anunciou o mutirão com a ampliação de cirurgias eletivas na rede pública. Para atingir a meta, o governo do estado também vai contratar os serviços de hospitais particulares e filantrópicos. O objetivo é zerar a fila em até cinco meses.

A estratégia contempla 54 cirurgias em sete especialidades diferentes. O chamamento público para contratação de hospitais da rede privada e filantrópicos está aberto e foi publicado no Diário Oficial do Estado no dia 26 de maio.

Leia mais:

  • VEREADORES ENTRARÃO COM AÇÃO PARA AMPLIAR CIRURGIAS ELETIVAS NOS HOSPITAIS DO ESTADO
  • RODRIGO GARCIA REINAUGURA HOSPITAL MANOEL DE ABREU E ASSINA CONVÊNIO COM O.S. QUE VAI GERIR O HC
  • O.S. DE RIBEIRÃO PRETO SERÁ RESPONSÁVEL PELA GESTÃO DO HOSPITAL DAS CLÍNICAS

  • Opnião dos Leitores

    Deixe uma resposta

    Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



    [Nenhuma estação de rádio na Base de dados]