Evento discute ‘Negritude e Feminismo’ nesta sexta-feira, Dia da Consciência Negra

Escrito por em 20/11/2020

Cento e trinta e dois anos se passaram desde a abolição da escravidão, mas o Brasil ainda está longe de ser uma democracia racial. Presidente do Conselho Municipal da Comunidade Negra, Greice Luiz, destaca que o dia 20 de novembro, Dia da Consciência Negra, é uma data para refletir como que o negro sobrevive até os dias de hoje. Sobre o assunto, ela falou com a repórter Daiany Ferreira. Vamos ouvir:

Ainda nesta sexta-feira, Dia da Consciência Negra, o debate continua. Às 20h, acontece uma live com o tema “Negritude e Feminismo” no canal da OAB Bauru no YouTube. O debate contará com a presença de Sara Araújo, que ficou conhecida nacionalmente, neste ano, por ter sido alvo de racismo nos meios digitais, a ativista Nina Barbosa e o presidente da Comissão de Igualdade Racial da OAB Bauru, Mário Henrique da Luz do Prado também participam do debate.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]