Falta de projeto interrompe, novamente, obra da transposição do esgoto no Rio Bauru

Escrito por em 17/06/2021

A obra de transposição do esgoto da margem esquerda para a direita do rio Bauru, está, novamente, paralisada. O motivo, desta vez, é a falta do projeto de estabilização das fundações.

Fundamental para a chegada do esgoto até a Estação de Tratamento Vargem Limpa, a realização dessa obra vem se arrastando. O serviço chegou a ser iniciado em novembro de 2016, mas acabou suspenso em abril do ano seguinte, após apontamento do Tribunal de Contas do Estado.

A atual licitação foi vencida pela Verdebianco Engenharia, com uma proposta de DOIS MILHÕES 985 MIL REAIS. A ordem de serviço para o início das obras foi assinada no início de dezembro e, a limpeza da área para montagem do canteiro de obras, foi realizada no final de Janeiro.

O presidente do DAE, Marcos Saraiva, confirmou a suspensão da obra e disse que o pedido de aditivo no contrato, foi protocolado pela Verdebianco e está em análise no Jurídico da autarquia.

De acordo com o Tribunal de Contas do Estado, quando do início da obra, em 2016, o DAE pagou à Zenite Engenharia pelos serviços prestados, cerca de R$928 mil.

O contrato atual, entre DAE e a Verdebianco, preve a canalização em concreto armado sobre o rio Bauru, com extensão total de 71 metros, com alargamento e canalização do rio através de muros de contenção de terra armada.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]