Família faz campanha por criança com lesões pós convulsivos

Escrito por em 05/11/2020

O garoto Miguel tem 7 anos. Ele conta com a ajuda de todos nesse momento. Aos três anos, teve anos tive uma inflamação na garganta e entrou em estado de mau convulsivo. O menino convulsionou por 4 meses e permaneceu em coma pelo mesmo período. Após um semestre inteiro no hospital, ele foi pra casa com sequelas neurológicas graves. Hoje, ele não anda, tampouco fala. O menino passou por procedimentos invasivos, entre eles, uma traqueostomia. O diagnóstico, segundo a família, ainda não foi fechado. A suspeita dos médicos é que Miguel seja acometido pela síndrome de Fire. Os familiares angariam recursos para o custeio de medicamentos, entre eles uma substância de alto valor, a base da Canabis. Fralda, leite e vitaminas também são insumos necessários e que requerem recursos advindos de doações, como explica o pai do menino, Peterson Samuel da Silva, acompanhe:

A família lançou uma vaquinha online onde as pessoas podem colaborar. Fale no Whatsapp: (14) 99660-1965, Péterson, pai do garoto.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]