Filha de Fafá de Belém revela abuso sofrido na infância e diz que contou detalhes para mãe 33 anos depois

Escrito por em 26/11/2020

Mariana Belém, filha da cantora Fafá de Belém, está participando de uma campanha que incentiva mulheres a falarem abusos que já sofreram. Nas redes sociais, a atriz publicou na última terça-feira, dia 24, um longo sobre o seu primeiro abuso sofrido, aos sete anos de idade, afirmando também que demorou 33 anos para contar os detalhes do acontecimento para mãe.

– Minha mãe sempre foi minha parceira, minha confidente. E, mesmo assim, levei 17 anos para contar que sofri abuso aos sete anos de idade e que só por um milagre não fui ainda mais violentada (e foi assim que eu aprendi o que seria ter fé pela vida toda). […] Algo fez minha mãe chegar enquanto eu corria dele. Algo ali me salvou de algo pior. Levei 17 anos para contar por alto. E esses detalhes grotescos acima eu só contei quando moramos juntas durante essa pandemia (33 anos depois do ocorrido), diz um trecho do texto publicado.

Mariana contou que, para superar o trauma, recorreu à terapia.

– Eu lembro do quarto, eu lembro da casa, eu lembro do exato momento em que minha mãe entrou na casa, eu lembro de detalhes, das frases. Trabalhei isso ao longo da vida, com psicopedagoga, lendo sobre e, a não ser por anos respondendo raivosa e xingando homens que mexiam comigo na rua (e isso foi trabalhado depois de adulta), consegui não viver com traumas maiores. Mas nunca esqueci. E quem não teve terapia? Informação? Uma mãe confidente? Se nem eu consegui contar pra minha, sempre aberta a conversar sobre tudo.

Segundo ela, a demora para contar como tudo aconteceu foi causada por um sentimento de culpa. Por conta disso, Mariana entrou nessa campanha para incentivar que o diálogo seja aberto nas famílias e para que todos saibam se proteger.

– Eu me achava responsável. Eu achava que a culpa era minha. Eu tinha vergonha. Eu tive medo por anos. Quantas meninas, quantas mulheres não conseguiram correr? Quantas meninas acreditaram nos amigos dos pais, em familiares e tiveram sua confiança quebrada e seu corpo violado? Precisamos sim falar sobre abuso. Precisamos ler e proteger nossos filhos, amigos.

Nos comentários da publicação, além de muitas mensagens de apoio, uma declaração da própria Fafá chamou a atenção.

Você é uma força da natureza, filha! Nossa conversa recente fez-me lembrar de várias situações que passei quando cheguei de Belém que jamais tinha trazido à luz da consciência como abuso. Obrigada por colocar luz num assunto tão delicado e vivido diariamente por nós mulheres, meninas, moças… Parabéns por sua coragem, filha. Muito orgulho de você, eu te amo, escreveu.

Fonte: Estrelando


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]