Fragmentos do coronavírus também são encontrados no esgoto

Escrito por em 30/04/2020

Um trabalho recém-publicado pela revista inglesa Lancet, apontou a presença de fragmentos genéticos do coronavírus no esgoto. Segundo o estudo, a presença do RNA (ácido ribonucleico) do novo coronavírus, indica a replicação ativa do vírus, mesmo no sistema gastrointestinal, o que permitiria a transmissão após o trato respiratório estar livre da doença. Mais informações com o repórter Emerson Luiz.

Segundo os pesquisadores, investigar a presença do coronavírus no esgoto pode ser uma forma de melhorar o entendimento de sua circulação e, a partir disso, as autoridades podem otimizar os recursos disponíveis e fortalecer medidas de prevenção de forma localizada. Já para a Agência Nacional de Águas, pesquisas realizadas nas águas e nos esgotos podem trazer informações valiosas para salvar vidas, auxiliando os órgãos de saúde.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]