Juíza defende formas de punição mais duras para emissores de fake news

Por on 29 de outubro de 2018

As campanhas eleitorais de 2018 foram marcadas por ataques e acusações. No rádio, televisão e internet, os eleitores só eram informados a respeito dos defeitos dos candidatos aos cargos públicos.
Além disso, as propagandas ganharam força e espaço nas redes sociais.

Este cenário, de acordo com os especialistas, é o que possibilitou um número ainda maior do compartilhamento de notícias falsas e boatos.

A Juíza Eleitoral, Ana Carla Criscione, afirmou que a Justiça deve estudar formas de punição mais duras para emissores de fake news.

Neste ano, o Tribunal Superior Eleitoral autorizou o pagamento de mais de R$ 1 bilhão ao fundo de Financiamento de Campanha para 22 partidos políticos.

Foto: Reprodução/ E-Commerce News


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background