Luciano Szafir desabafa sobre cicatrizes pós-Covid: “Vaidade é estar vivo”

Escrito por em 22/09/2021

Após um longo período de luta contra a Covid-19, Luciano Szafir ainda está se adaptando às marcas deixadas pela doença. Além das cicatrizes, que ainda assustam os filhos, ele também está usando uma bolsa de colostomia até realizar a cirurgia de reconstrução intestinal.

Todo o processo também foi duro para a família. Ele conta que os filhos ainda não lidam bem com as cicatrizes que agora possui após o período hospitalizado.

“Minha mulher segurou uma bronca absurda, e os distraía em meio ao caos. Acho que o mais velho tinha uma percepção de que era grave. E eles estão se acostumando a ver minhas cicatrizes agora. Se estou sem camisa, pedem para eu me vestir”, disse em entrevista ao jornal Extra neste domingo (19/9).

Questionado sobre os sinais da doença no corpo, ele conta que aprendeu a enxergar a beleza sob uma nova perspectiva.

“Minha vaidade hoje é estar vivo. Se vou ter um buraco ou barriga flácida, não estou nem aí. Não quero ser aquele tiozão que faz loucuras nem comparar meu físico com o que tinha aos 25 anos. Já tive a sorte de ter um corpo bonito, ter aquele tanquinho. Hoje, tenho uma máquina de lavar (risos) e tudo bem”, afirmou.

Fonte: Metrópoles


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]