Mais dois alpinistas morrem no Everest; número de mortos na temporada de escalada vai a 10

Por on 25 de maio de 2019

Fonte: Portal G1

Um alpinista britânico e um irlandês morreram no Everest, pico mais alto do mundo, com 8.848m de altura e fica na fronteira entre o Nepal e o Tibete, o que eleva a 10 as vítimas fatais nesta temporada de escalada na região, informaram neste sábado (25) organizadores de expedições no Nepal.

Na sexta-feira (24), autoridades nepalesas anunciaram que quatro alpinistas morreram nas últimas 48 horas no Everest. Dois deles eram indianos, um era austríaco e outro, nepalês.

Uma das vítimas, a indiana Kalpana Das, de 52 anos, chegou ao topo do Everest, mas morreu na quinta-feira (23) à tarde no momento da descida. Outro indiano, Nihal Bagwan, 27 anos, também morreu durante a descida.

“Ele ficou bloqueado no engarrafamento durante mais de 12 horas e estava esgotado. Os guias trouxeram-no para o acampamento 4 e ele morreu no local”, relatou Keshav Paudel.

O austríaco, de 65 anos, era alpinista e morreu no lado tibetano da montanha, anunciou um organizador de expedição. O nepalês, um guia de 33 anos, morreu em um acampamento-base, depois de ficar doente no campo 3, a 7.158 metros de altitude.

A foto, de 29 de abril, mostra escaladores andando perto do acampamento 1 no Monte Everest — Foto: Phunjo Lama / AFP Photo


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background