Movimento “O HC não pode morrer” organiza manifestação para esta quinta-feira

Escrito por em 18/02/2021

Membros do movimento “O HC não pode morrer” organizam uma manifestação para esta quinta-feira (18). O grupo liderado por estudantes do curso de medicina da USP cobra do Governo do Estado de São Paulo a abertura imediata e definitiva do Hospital das Clínicas do Centrinho. O protesto terá início às 17h em frente ao prédio do HC e deve seguir até a avenida Getúlio Vargas. Um dos líderes do movimento, o estudante Leonardo Resende de Sousa, explica que o grupo teve acesso a documentos que contradizem as promessas feitas pelo Estado em relação à abertura definitiva do HC.

O movimento “O HC não pode morrer” surgiu em novembro do ano passado e recebeu o apoio da OAB-Bauru, Apeoespe e outras entidades locais.

Foto: Reprodução/Facebook


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]