MPF reconhece pedido emergencial para estudar instalação de Hospital das Forças Armadas

Escrito por em 02/07/2021

O Ministério Público Federal reconheceu o quadro de colapso na saúde pública de Bauru e a necessidade de reposta em caráter emergencial do pedido protocolado pelos vereadores Eduardo Borgo e Coronel Meira para que fosse avaliada a possibilidade de instalar em Bauru um Hospital de Campanha das Forças Armadas. O procurador da república, André Libonati, reconhece que o pedido atende as condições de apreciação em tutela de urgência requerida na petição dos parlamentares bauruenses. O repórter Gabriel Pelosi conversou com Eduardo Borgo sobre o andamento da solicitação.

Borgo comentou sobre a possibilidade de ser representado junto à Comissão de Ética da Câmara Municipal em razão de uma fala na CEI da Covid em que acusou vereadores da legislatura passada de parcialidade e conchavos políticos.

Na última segunda-feira, o vereador Eduardo Borgo protocolou na Câmara Municipal um projeto de decreto legislativo em que visa conceder ao presidente Jair Bolsonaro o título de “Cidadão Bauruense”.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]