MSLT não paga contas de água e energia de assentamento acordadas em TAC

Escrito por em 06/04/2021

Quase quatro meses depois da notificação extrajudicial, feita pela prefeitura ao Movimento Social de Luta dos Trabalhadores – MSLT, cobrando o pagamento das contas de água e energia elétrica no assentamento Nova Canaã, no Parque Primavera, nada mudou.

Conforme a 94 noticiou ainda em dezembro, a prefeitura cobra o ressarcimento dos valores pagos pelo município, à CPFL e ao DAE, pelas ligações realizadas no local. A responsabilidade do pagamento dessas contas pelo MSLT, foi acordada em TAC (Termo de Ajustamento de Conduta), assinado em janeiro de 2018. Outras informações com o repórter Emerson Luiz.

Apesar do Termo de Ajustamento de Conduta firmado entre o Município e o Movimento Social de Luta dos Trabalhadores, para que o MSLT se responsabilize pelos pagamentos das contas, até o momento, de acordo com a Secretaria de Finanças nenhum pagamento relativo a cobrança feita no final do ano passado foi realizado até o momento. O caso foi remetido para a Secretaria de Negócios Jurídicos.


Opiniões dos leitores

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]