Nível da lagoa de captação do Rio Batalha melhora e rodízio é alterado

Escrito por em 26/10/2020

As chuvas dos últimos dias contribuíram para elevar o nível da lagoa de captação do Rio Batalha, porém o volume e a duração das precipitações não foram suficientes para que a lagoa alcançasse seu nível ideal, que é de 3,20m. Na última sexta-feira (23), o nível era de 2,74m e hoje, pela manhã, 2,82m. Assim, para as regiões atendidas pelo sistema Batalha/ETA, ainda há necessidade de que o abastecimento seja controlado, porém, a partir das 6h desta terça-feira (27), prosseguirá da seguinte maneira:

Dessa forma, as regiões da Vila Falcão e Centro serão abastecidas de forma intercalada, a cada 48 horas, começando pela Região 1 (Falcão, Ouro Verde e outros). Serão 24 horas de abastecimento, após, haverá recuperação de 12 horas para o manancial de captação, e depois o outro setor será atendido por 24 horas, com nova pausa de 12 horas em seguida. Assim, o abastecimento na Região 1 começa às 6h de terça (27), permanecendo por 24 horas, após terá suspensão de 48 horas, até ser atendido novamente. A Região 2 (Centro e outros), abastecida hoje, receberá água às 18h na quarta-feira (28) por 24 horas, até o mesmo horário no dia seguinte, quinta-feira.

Foi entregue, na última semana, o poço Santa Cândida, que abastece Vila Dutra, Vila Industrial, Parque Viaduto, Parque Val de Palmas, Leão 13 e o próprio Santa Cândida. Estes bairros, até a conclusão da obra, eram atendidos somente pelo sistema ETA/Batalha, que agora fornece água como reforço. O investimento da autarquia na perfuração deste poço foi de R$ 1,9 milhão e, agora, um total de 35 poços abastecem a cidade, contribuindo para a redução da área atendida pelo sistema ETA/Batalha.

No ano passado, a autarquia entregou dois novos poços, no Jardim América e no Geisel, que auxiliaram diretamente na diminuição da demanda do Batalha. Somente nessas três Unidades foram investidos mais de R$ 6 milhões.

Para consultar em tempo real os bairros e o mapa das áreas pertencentes ao rodízio, basta acessar o site do Departamento: www.daebauru.sp.gov.br .

O DAE continua disponibilizando caminhões-pipa para o atendimento nas regiões afetadas através do 0800-7710195, que recebe ligações apenas de telefone fixo, ou 3235-6140 e 3235-6179 para ligações feitas por aparelho celular.

Crédito: DAE/Divulgação


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]