No interior, cidades-polo têm até 5 vezes mais potencial de alastramento do vírus

Escrito por em 28/04/2020

Um estudo apresentado ontem, em coletiva no Palácio dos Bandeirantes em São Paulo, mostra que cidades tidas como polos regionais em suas respectivas regiões podem apresentar um potencial de transmissão em até cinco vezes maior do que em municípios de menor porte. O levantamento geográfico epidemiológico foi demonstrado pelo médico infectologista Carlos Fortaleza, professor da Faculdade de Medicina em Botucatu:

Presente à coletiva na sede do governo paulista, o coordenador do comitê de contingência do Estado de São Paulo para controle da Covid-19 reforçou a necessidade de manutenção e maior adesão ao isolamento social. Ele ainda que as cidades do interior estão em duas semanas atrasadas com relação a curva acendente do índice de contágio, em comparação ao verificado na capital do Estado.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]