Prefeita de Pederneiras é vítima de discriminação por conta de câncer de mama e recebe solidariedade nas redes

Escrito por em 10/02/2021

A prefeita de Pederneiras, Ivana Camarinha, sofreu no último sábado um ataque preconceituoso em suas redes sociais. Na postagem em que criticava a atuação dela na administração pública, o internauta usou o termo “monoteta” para se referir a prefeita. O agressor se referia ao fato de a prefeita ter retirado uma das mamas enquanto lutava contra um câncer no de ano de 2003.
Nesta segunda-feira, Ivana, de 54 anos, usou as redes sociais para expor a agressão e repudiar o ato de preconceito que sofreu. O caso foi registrado na Polícia Civil como crimes de injúria, difamação, calúnia e injúria qualificada. O repórter Gabriel Pelosi conversou com Ivana. Vamos ouvir.

Este é o segundo ato de preconceito contra prefeitas mulheres na região de Bauru nos últimos três meses. Antes, a prefeita Suéllen Rosim sofreu injúria racial logo após ser eleita em novembro do ano passado.

O acusado da agressão contra a prefeita de Pederneiras foi identificado. Ele apagou a postagem original e desativou seu perfil na rede social.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]