Prefeitura anuncia que não abrirá mão de seus direitos em caso de rescisão por parte de empresa que recuperaria Rodrigues Alves

Escrito por em 13/06/2022

Prefeitura de Bauru não abrirá mão de seus direitos, caso a empresa R.A. Infraestrutura, solicite a rescisão do contrato para recuperação da avenida Rodrigues Alves, na região central.

O valor contratual para toda obra, incluindo a etapa realizada em novembro do ano passado, somou TRÊS MILHÕES 497 MIL REAIS. Em dezembro, a empresa solicitou realinhamento de preços, na ordem de 550 MIL REAIS, apontando a elevação dos preços dos materiais, a base de petróleo.

Após a prefeitura notificar a R.A. para a retomada da obra, a empresa solicitou mais um realinhamento, este em torno de DOIS MILHÕES DE REAIS, conforme explica o secretário de obras, Leandro Joaquim.

Mesmo sem definição de uma rescisão contratual, a Secretaria de Obras já vem conversando com a empresa segunda colocada na licitação, que demonstrou interesse na obra da Rodrigues Alves.

Esta etapa de recuperação da Rodrigues Alves, tem prazo previsto de SEIS MESES para execução, pois será feita a retirada do asfalto e da base, nos dois sentidos da avenida, entre as avenidas Pedro de Toledo e Nações Unidas. A segunda colocada na licitação, e que poderá assumir a execução da obra, é a empresa Fortpav.

Leia mais:

  • EMPRESA CONTRATADA DESISTE DO RECAPE DA AVENIDA RODRIGUES ALVES E OBRA NÃO TEM DATA PARA ACONTECER
  • RECAPE DA AVENIDA RODRIGUES ALVES SERÁ EM DUAS ETAPAS

  • Opnião dos Leitores

    Deixe uma resposta

    Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



    [Nenhuma estação de rádio na Base de dados]