Quase metade do lixo produzido em Bauru poderia ser reciclado, acredita vereador Meira

Por on 8 de novembro de 2019

Recentemente, membros da Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal visitaram o aterro sanitário privado de Piratininga que recebe o lixo recolhido em Bauru. O local é destino de 700 toneladas de lixo por dia, 340 delas produzida por Bauru.

Membro da Comissão, o vereador Coronel Meira afirma que 45% do lixo destinado ao aterro poderia ser reciclado, gerando recursos aos cofres do município.

Para o vereador, os recursos conseguidos com esse tipo de economia poderia ser destinado a investimentos, visando diminuir o valor do empréstimo desejado pela prefeitura.

Vereador Meira. Crédito: Gabriel Pelosi/94FM


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background