Região de Bauru retrocede em plano de flexibilização da quarentena

Escrito por em 10/06/2020

O Governo do Estado anunciou nesta quarta-feira que Bauru retrocederá em nível de estágio sobre a flexibilização de atividades econômicas em meio á pandemia. Da atual fase amarela, a cidade, agora, vai para a fase laranja, que envolve a diminuição das horas de abertura do comércio que, a partir de segunda-feira, será alterada das atuais seis horas para quatro horas apenas.

A partir de segunda-feira, estabelecimentos e shoppins funcionam apenas com vinte por cento da capacidade de operação quanto à aglomeração de público. Também estão liberados escritórios, concessionárias e atividades imobiliárias. Demais serviços não essenciais continuam fechados. Bares e restaurantes voltam a ser proibidos quanto atendimento ao público para consumo no local, apenas com delivery, e salões de beleza e barbearias deverão fechar novamente.

O Governo do Estado afirma que a decisão é apoiada em critérios relativos à evolução da doença nas regiões. Na oportunidade, o governador de São Paulo João Dória informou que a quarentena continuará no Estado até dia 28 de junho. Também retrocederam no chamado Plano São Paulo as regiões de Barretos, Ribeirão Preto e Presidente Prudente. Estas pioraram para a chamada fase vermelha, o nível um, com medidas mais duras e funcionamento apenas dos serviços essenciais.


Opiniões dos leitores
  1. Diná   Em   10/06/2020 at 22:18

    Tem que haver uma conscientização maior da população, porque retroceder o nível, vai ser trocar meia dúzia por seis.

Deixar um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Campos obrigatórios marcados com *



[Não há estações de rádio no banco de dados]