Retirada de voos recentemente anunciados no aeroporto Moussa Tobias segue repercutindo negativamente

Por on 12 de dezembro de 2019

O anúncio de readequação dos voos da Passaredo/MAP Linhas Aéreas partindo do Aeroporto Bauru-Arealva repercutiu mal em diversos setores da sociedade bauruense. A empresa começou a operar em Bauru em 27 de outubro com três voos ligando a cidade ao Aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

Vereador Mané Losila, que preside a Comissão de Transportes da Câmara Municipal, lamentou a redução de voos da companhia menos de dois meses depois de começar a operar no Aeroporto Moussa Tobias.

A empresa anunciou nesta quarta-feira que a partir do dia 10 de janeiro de 2020 começa a operar dois voos a partir de Ponta Grossa, no Paraná.

Foto: Reprodução/ Internet


Comentários
  1. Alves Alves   EM   12 de dezembro de 2019 at 11:31

    Bauru SP infelizmente é uma cidade quebrada apesar de ser de médio porte mais de 300il habitantes não tem empresas na cidade como fábricas, indústrias etc empresas aéreas não aguentam manter os vôos !

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background