Sem reajuste no vale-alimentação, trabalhadores da Emdurb prometem greve

Escrito por em 28/06/2022

Comissão de trabalhadores da Emdurb anunciou no final da tarde desta terça-feira à prefeita Suéllen Rosim e ao presidente da empresa, Everson Demarchi, a possibilidade de greve, caso o reajuste no vale-alimentação para MIL REAIS mensais, não seja ampliado aos funcionários da Empresa Municipal.

Cerca de 20 trabalhadores formaram a comissão. Durante a reunião, o Sindicato dos Servidores solicitou a possibilidade de implantação de um aumento escalonado, até que o valor fosse equiparado aos dos servidores da prefeitura, DAE e Funprev, conforme explicou o advogado do Sindicato dos Servidores Municipais, José Francisco Martins.

Na manhã desta terça-feira, trabalhadores da coleta de lixo realizaram uma rápida manifestação e, só deixaram o pátio da empresa após uma conversa com o presidente da Emdurb, Everson Demarchi. Conforme a 94 divulgou, na última segunda-feira a prefeita encaminhou ao legislativo, emenda modificativa incluindo os servidores do DAE e da Funprev, ao reajuste no vale-alimentação, para MIL REAIS.

Uma comissão de trabalhadores esteve na prefeitura no final da tarde. Foto: Sinserm / Divulgação


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]