Série A3 do paulista segue paralisada sem data para retorno

Por on 17 de abril de 2020

Foi praticamente um ‘Ctrl-C Ctrl-V’ das notas anteriores distriuídas pela Federação Paulista de Futebol, a video-conferência realizada nesta sexta-feira, com dirigentes dos clubes que disputam a série A3 do campeonato paulista.

A federação informou que em consenso as equipes decidiram que a competição será concluída em campo, ainda sem data para o retorno, em respeito aos torcedores, aos parceiros comerciais e de mídia. Segundo o modelo dos anúncios das séries A1 e A2, a Federação divulgou que, inicialmente, os jogos poderão ser realizados com portões fechados, evitando qualquer risco de aglomerações e que o departamento de registro da Federação estudará a possibilidade de inscrição de atletas de base que não se enquadrem nos critérios da Lista B, uma vez que o campeonato cumprirá a Lei Pelé, o Estatuto do Torcedor e a Legislação geral da Federação Paulista de Futebol.

Caso a nota tenha sido realmente o ocorrido na reunião, o posicionamento de clubes como Rio Preto e São Bernardo, mudou radicalmente, uma vez que as equipes sinalizaram pelo final da competição, enquanto o Marília, quer mudanças no estatuto do torcedor.

O campeonato está paralisado há 33 dias. O último jogo do Noroeste foi a vitória sobre o Olímpia, fora de casa, por 3 a 1, resultado este que garantiu a classificação antecipada do alvirrubro à segunda fase do campeonato. Pelo Noroeste, o presidente Rodrigo Gomes participou da reunião.

O Noroeste tem 18 de seus 27 jogadores, com o contrato se encerrando no dia 20 de maio e, até o final do próximo mês, outros quatro atletas também ficarão sem contrato com o alvirrubro.

Na nota da Federação, não há qualquer citação sobre auxílio aos clubes.

Presidente do Noroeste Rodrigo Gomes participou da vídeo-conferência. Foto: Facebook Noroeste


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background