Supermercados brasileiros desperdiçaram em 2017, R$3,9 bilhões em alimentos

Por on 16 de agosto de 2018

Os supermercados brasileiros desperdiçaram, no ano passado, o equivalente a R$3,9 bilhões em alimentos. Apesar do número astronômico, houve queda na comparação com 2016. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (15) pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras).

O levantamento considerou números de 2.335 supermercados do país. Apenas em frutas, verduras e legumes, o desperdício atingiu R$1,08 bilhão no ano passado, aproximadamente R$ 600 mil a mais do que em 2014.

Na Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), empresa estatal de abastecimento, as perdas diárias são estimadas em 1,3%.

Segundo a chefe do Centro da Qualidade, Pesquisa e Desenvolvimento da Ceagesp, Anita Gutierrez, para evitar o desperdício, é importante que o alimento tenha qualidade no momento da colheita. Ela identifica, entra os principais problemas que levam os alimentos à podridão, danos mecânicos na colheita e na pós-colheita, no momento da embalagem e no manuseio. A perda de água e os machucados nos alimentos, além disso, levam à redução considerável de valor.

Outro ponto levantado pela especialista é a diferença de temperatura a que o produto é submetido no período que abrange da colheita à embalagem e transporte até o destino final. Certos alimentos são transportados sob refrigeração e, quando chegam ao destino, levam choque de temperatura, o que acelera seu metabolismo e leva à perda de qualidade.

Além das frutas, legumes e verduras, produtos das seções de padaria, peixaria e açougue também estão entre os mais desperdiçados nos supermercados e centros de distribuição de alimentos.

Imagem ilustrativa./ Foto: Reprodução/ Jornal Ciência


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background