mini

Dois detentos do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) II de Bauru “Dr. Eduardo de Oliveira Vianna”, que retornavam da saída temporária na segunda-feira (24), foram barrados após o escâner corporal detectar imagens suspeitas. Questionados, ambos admitiram terem engolido/inserido objetos e foram isolados para observação na enfermaria da unidade para, espontaneamente, tentarem expelir os objetos. Um […]


[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]