Unidade prisional em Mongaguá tem fuga em massa de detentos

Por on 16 de março de 2020

Cerca de 400 detentos fugiram no início da noite desta segunda-feira do Centro de Progressão Penitenciária (CPP) Dr Rubens Aleixo Sendin, localizado em Mongaguá, no litoral de São Paulo. Em um vídeo obtido pelo G1 é possível ver centenas de presos correndo. Ainda há reféns no local.

O CPP de Mongaguá tem capacidade para receber 1.640 presos. A penitenciária funciona no regime semiaberto, ou seja, os presos podem trabalhar durante o dia e voltar à unidade prisional durante a noite. Segundo apurado pelo portal G1, os presos teriam se rebelado após o cancelamento de uma saidinha que aconteceria na terça-feira. No Estado de São Paulo, outros presídios, entre eles o de Mirandópolis, também registraram fugas.


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background