Vereadores cobram ações emergenciais para mitigar desabastecimento de água

Escrito por em 07/10/2020

Em reunião convocada extraordinariamente pela Comissão de Obras e Serviços Públicos, em decorrência da crise hídrica que atinge Bauru, vereadores cobraram a tomada de ações emergenciais para mitigar, de imediato, o desabastecimento de água nas regiões da cidade que dependem do Rio Batalha. O repórter Gabriel Pelosi tem as informações. Vamos ouvir.

Inicialmente previsto para entrar em operação em dezembro, o novo poço do Santa Cândida, que aliviará a demanda do Batalha em alguns bairros, pode passar a fornecer água para a região em até 15 dias. Para isso, é necessária a conclusão da instalação de adutora que interligue o ponto de captação à rede de distribuição.


Opnião dos Leitores
  1. Jocilene Trevizan   Em   07/10/2020 em 09:26

    Sem água desde de segunda, está muito difícil pra população, como pode uma cidade deste porte depender do rio para abastecimento. E os bairros que tem poço nadando de braçada. 🤬 #daecadeaagua

  2. Leandro Cinti   Em   07/10/2020 em 12:00

    Olá Boa Tarde
    sei que estão cheios de informações ref. reclamações, mas veja só meu lado. Ultimo dia que recebi agua em casa foi na sexta feira, isso mesmo sexta feira. Hoje ja são 5 dias sem uma gota de agua em casa
    Moro na região do Alto Paraiso, prox a praça do penta. UMA VERGONHA

    OBRIGADO

    ATT: Leandro

  3. Camila   Em   07/10/2020 em 13:03

    Como ficará a região da Vila rocha hoje estamos indo para 5 dias sem água,na segunda teve somente até as 10 um pingo. Que medidas serão tomadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



[Nenhuma estação de rádio na Base de dados]