Volta às aulas é marcada por protestos de pais de alunos sem transporte escolar

Por on 5 de fevereiro de 2020

Uma discussão que se arrasta desde 2017, gerou manifestação de diversos pais, em algumas regiões da cidade. Pelo quarto ano consecutivo, o início do período letivo em Bauru, foi marcado por protestos pela ausência dos nomes de crianças, na lista do transporte escolar. A responsabilidade pela elaboração das listas dos alunos matriculados nas escolas estaduais, é da Diretoria Regional de Ensino. Mais informações com Luiz Beltramin.

Mais tarde, a dirigente regional de ensino, Gina Sanchez, entrou em contato com o a nossa equipe de jornalismo e segundo ela, as regras estão sendo cumpridas de acordo com a legislação:

O prefeito Clodoaldo Gazzetta se reuniu com moradores do bairro Aimorés para discutir o assunto. Na ocasião, ficou decidido que a prefeitura irá oferecer transporte aos alunos que deixaram de ser atendidos. A secretária de educação, Isabel Miziara, destaca que as crianças e jovens merecem consideração e por isso, a prefeitura assumiu a responsabilidade:

A empresa responsável pelo transporte dos alunos das escolas públicas municipais e estaduais já foi notificada, e a prefeitura aguarda a lista com os nomes dos novos alunos para que a Secretaria de Educação realize os cadastros.

Foto: Divulgação/Whatsapp

Foto: Divulgação/Whatsapp


Comentários

Escreva um Comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios*



Current track
Title
Artist

Background